Início > Notícias > Lendo
Ausência de capacitação ou inadequações em seu cumprimento afetam a segurança

Publicada em 06/06/2018

 

 

Data: 01/06/2018 / Fonte: Paulo Renato Soares 

Imagine dois times de futebol: o time A possui uma gestão profissional, com departamento médico especializado, centro de treinamento e bons materiais para treino. Já o time B, ao contrário do A, treina com materiais de segunda linha, não possui agenda organizada de treinos e ainda é gerido por um grupo que nada entende de futebol. Agora imagine um confronto entre os dois. Em quem você apostaria? Da mesma forma, funciona a capacitação dos trabalhadores. Bem-feita é uma aliada, malfeita apenas não passará de cumprimento de norma ou de padrões, podendo sua ausência ser causadora de acidentes do trabalho ou de doenças ocupacionais.

Conforme a Norma ABNT NBR ISO 10015 -  Gestão da qualidade - Diretrizes para treinamento, treinamento é o processo para desenvolver e prover conhecimentos, habilidades e comportamentos para atender requisitos. Ele deve reduzir as lacunas entre as competências requeridas e as existentes. É recomendado que se monitore os seguintes estágios: definição das necessidades de treinamento; projeto e planejamento do treinamento; execução do treinamento; avaliação dos resultados do treinamento.


Confira o artigo completo na edição de junho da Revista Proteção.


 

Leia também

SegTrabMed
(24) 3311-7218 | (24) 2252-3763 | (24) 98813-5219

Centro Empresarial Três Rios
Rua Sete de Setembro, 159 / 1º andar - Centro
25802-130 - Três Rios / RJ

Facebook
Desenvolvido por Rian Design